Só falta você!

sábado, 30 de julho de 2011

A Essência Do Ser





Em um mundo que não pára de crescer, com aproximadamente 7 bilhões de pessoas  espalhadas pelo mundo por várias culturas, às vezes me pergunto se somos todos diferentes, quero dizer, hoje existem 7 bilhões de maneiras de ser, pensar, agir... E a cada segundo nasce mais um ser diferente? Chegaremos no máximo a parecer com pessoas que aqui estão ou que já se foram?


São de fato grandes dúvidas, das quais pairam no ar se somos todos essencialmente diferentes. 


Bem, se formos todos diferentes, com cada um fazendo, pensando, agindo, entre outras coisas de uma forma nova, será bom, pois o mundo a medida que vai avançando necessita de mudanças nos mais diversos setores. 


Agora se formos iguais como determinadas pessoas que vivem conosco ou que já morreram, o mundo não vai mudar, as coisas que estão ruins continuarão sendo ruins.


Se cada um possuir sua essência conservaremos a capacidade de nos surpreender conosco mesmo, ouvindo boas músicas diferentes, assistindo diferentes filmes, lendo diferentes livros, conhecendo diferentes mentes e etc...


Então eu prefiro acreditar na ideia de "contraste infinito", pois o mundo precisa de mudanças caso contrário ficará entediante.

2 comentários:

  1. Penso na multidão...na falta de alimentos, nas crises economicas...nos abalos na natureza. Será que é realmente bom a humanidade quebrar o laço da morte para continuar a expandir como se fosse um virus levando a falencia total do universo em que consiste ?

    Acredito que morreremos todos antes do mundo explodir com o sol daqui a alguns milhoes de anos !

    gostei da pagina , to seguindo e obrigado por me incluir na seção blogs recomendaveis !


    abraço

    ResponderExcluir
  2. Concordo contigo, um mundo cheio de personalidades iguais é realmente entediante. Por exemplo, o que adianta conversar com uma pessoa que tem as mesmas opiniões, mesmos argumentos, mesmos gostos, mesmas experiências e até a aparência é igual? Não tem graça! E que graça tem fazer as mesmas coisas???

    ResponderExcluir

Não sou o "dono da verdade", portanto, estarei sempre disposto a ouvi-lo(a)...