Só falta você!

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Intervenções Divinas





Afinal, quando é que são manifestadas as ações divinas? Como podemos discernir sorte de intervenção divina? Será sorte para as coisas pequenas e intervenção divina para as coisas mais importantes?


O fato é que uma das duas coisas existem ou até mesmo as duas coisas juntas.


Eu acredito em Deus verdadeiramente, então prefiro confiar na teoria das duas coisas. E tudo isso me faz voltar ao velho e trivial pensamento que é a existência de Deus.


Para não cair em contradição é como disse: Eu PREFIRO acreditar em Deus, e se for para crer, deve ser de verdade! Mas algo que eu não gostaria de ser nesta vida é um cara equivocado.


Será que hoje eu acredito na existência de Deus da mesma forma que os gregos antigos acreditavam na existência de vários deuses?


Bem, todos nós somos movidos pela esperança, me levanto da cama todos os dias por ter essa fé.


Por outro lado, sem entrar na questão de que nada não pode criar algo, tendo que citar apenas um fato simples que corrobora a existência de Deus, eu diria que a definição do sexo de um bebê é uma prova, pois como é que a natureza por si só determinaria o sexo de uma criança, um novo ser, numa proporção tão perfeita para homens e mulheres? Talvez a ciência já tenha uma resposta para isso, porém eu acredito que também seja um ato divino.


Enfim, é o que tenho a dizer sobre as intervenções divinas que certamente estão presentes em nossas vidas nos guiando ao caminho certo, o caminho que estamos destinados a seguir   por algum motivo que até então é desconhecido.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não sou o "dono da verdade", portanto, estarei sempre disposto a ouvi-lo(a)...