Só falta você!

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

As Opiniões



Eu tenho a minha e você tem a sua, enfim, todos nós temos opiniões, pelo menos para um determinado assunto. 


Eu sinto às vezes que as opiniões das pessoas não são valorizadas como deveriam ser, está escrito logo acima, na descrição deste blog, que ele é feito de opiniões pessoais, no caso as minhas são relativamente às postagens, mas o blog também é constituído pelas opiniões dos que o leem através dos comentários. O que eu quero dizer é que algumas pessoas podem de certa forma desanimar com o blog ao ler logo de cara que ele é constituído por opiniões pessoais, desinteressado-se de ler o mesmo. Não digo que todos fazem isso, mas esta é uma demonstração simples do que pode ocorrer, é muito triste que as pessoas não se interessem pelas outras pessoas.

Eu me interesso totalmente pelas opiniões das pessoas, pois por trás das opiniões das pessoas logo estão o seu caráter, a forma de pensar, sobretudo estão pessoas. Além das pessoas sempre terem ter uma boa história para contar, são cada uma delas que são responsáveis pela sociedade em que vivemos, portanto suas opiniões são de suma importância.


Então, eu me preocupo com o que as pessoas dizem e o que elas têm à dizer, pois reflete no nosso convívio. Todas as pessoas são importantes, todas as opiniões merecem ser respeitadas e serem levadas em consideração.


Portanto, eu opino e aprecio as opiniões, como quem pergunta: o que você têm a dizer sobre isso?

Um comentário:

  1. Eu só tenho que concordar com o que escrevestes ehehehehhhe.
    O post é até oportuno para comentar sobre isso, a imprensa e o futebol. Um determinado colunista escreve sobre um assunto que não é do agrado dos leitores e aí os leitores ao invés de forma respeitosa discordar do colunista, passam a ofendê-lo de tudo o quanto é nome esquecendo que antes de tudo a pessoa é um ser humano. No futebol, cito o exemplo do Bolívar, jodador do Internacional que vinha jogando mal à vários jogos. O que aconteceu? A torcida ao invés de uma forma ordeira se manifestar a respeito do jodador, o fez ofendendo.
    Dando os exemplos citados acima, quero dizer que as pessoas tem muita dificuldade de respeitar a opinião de uma das outras.
    Costumo dizer assim: "Posso até não concordar com a opinião de uma determinada pessoa, mas isso não impede que eu respeite aquilo que ela está dizendo.

    Abs!

    ResponderExcluir

Não sou o "dono da verdade", portanto, estarei sempre disposto a ouvi-lo(a)...