Só falta você!

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

O Papel Moeda





Hoje em dia o que representa principalmente o dinheiro é o papel moeda, o que ao mesmo tempo nos revela o quão estúpido que nós somos. Afinal, como é que um simples papel pode nos dizer o que vale e o que deixa de valer? 


Enfim, dizem que teve sua origem muito antigamente na China, onde o imperador da época ordenou que todos passassem a negociar com o "papel moeda", caso alguém se recusasse seria morto. Então, dessa maneira brusca que foi introduzida a ideia de dinheiro, sobretudo em papéis.


Diante do quadro não podia ser diferente, pois é de uma estupidez total acreditar em o que os papéis dizem, é claro que sou à favor da organização, porém não é o que vemos em nosso país, também nos outros países, enfim, no mundo inteiro. Em todo lugar há falhas, muitas das quais temos como fonte o dinheiro, pense comigo: se não existisse dinheiro, não existiria ladrões de banco por exemplo. Este breve exemplo já é suficientemente bom para consequentemente pensar nas outras coisas que ocorrem, tudo tem uma origem, e no caso do mundo globalizado ou civilizado é o dinheiro que causa os problemas.


Então, para quem pensa que é impossível viver sem dinheiro, a própria história nos responde que muito antes do dinheiro em moedas sem "imposto" os homens negociavam entre si por seus próprios produtos, isto é, sem a necessidade de moedas, falando ainda mais claro: uma laranja valia por duas bananas por exemplo.


Também é bom frisar que toda essa "parafernália" à qual é chamada: economia, só existe porque se sentem dependentes dela, como um vício qualquer e é claro também porque gostam de burocracia, ou seja, os burocratas ricos, que se blindam por detrás de uma parede chamada economia.



Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não sou o "dono da verdade", portanto, estarei sempre disposto a ouvi-lo(a)...